Sistema pode agilizar a entrada de turistas argentinos no Brasil

16 de mai - Relações Exteriores


Uruguaiana, principal porta de entrada para os argentinos, chega a registrar filas de oito horas de espera

Sistema pode agilizar a entrada de turistas argentinos no Brasil

Uruguaiana, na Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul, é a principal porta de entrada para argentinos no Brasil: 41% deles passam pelo posto aduaneiro nesse município gaúcho. A falta de recursos humanos e tecnológicos, espaço físico e integração, faz com que os argentinos esperem até 8 horas na fila para entrar no Brasil. Esse foi um dos muitos problemas sobre integração bilateral debatidos na audiência do Grupo Parlamentar Brasil-Argentina, nesta quarta-feira (16), requerida pela senadora Ana Amélia (Progressistas-RS), vice-presidente do grupo.

Com a presença do embaixador argentino, Carlos Magariños, de representantes do Itamaraty, da Receita Federal, da Polícia Federal, além do ministro do TCU, Augusto Nardes, e do deputado estadual Frederico Antunes. O coordenador de Imigração da Polícia Federal, Alexandre Patory, adiantou que está em análise a elaboração de um sistema onde, no momento que o turista argentino registre a saída do seu país, automaticamente, seja reconhecida a sua entrada no Brasil.

Ana Amélia lembrou que o governo brasileiro também precisa fazer a lição de casa na emissão da carteira de trânsito vicinal fronteiriço para os argentinos de cidades-gêmeas. A parlamentar trabalhou para que o projeto fosse aprovado com celeridade na Câmara e no Senado. Entretanto, mesmo a lei tendo sido aprovada e sancionada ainda em 2016, até hoje o Brasil não confeccionou os documentos para que os argentinos possam ter livre trânsito na fronteira brasileira, como já tem os brasileiros que entram na cidade vizinha de Passo de Los Libres.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

30 de out
Senadora sugere suspensão temporária dos trabalhos do Grupo Parlamentar Brasil-Arabia Saudita
A presidente do Grupo Parlamentar Brasil-Reino da Arábia Saudita, senadora Ana Amélia (Progressistas-RS), recomendou nesta terça-feira (30), durante reunião deliberativa da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), a suspensão temporária dos trabalhos do grupo por causa da morte do jornalista saudita…

12 de out
Senado aprova acordo internacional para cooperação contra o crime organizado no Mercosul
Os senadores aprovaram nesta quarta-feira (17) o projeto de decreto legislativo (PDS 104/2018), de relatoria da senadora Ana Amélia (Progressistas-RS), que confirma o texto do acordo de cooperação entre os países membros e associados do Mercosul para a criação de equipes…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail