Senadores questionam Ministro da Saúde sobre falta de medicamentos para doenças raras

26 de out - Saúde


Segundo o ministro, o abastecimento desses medicamentos está regular

Senadores questionam Ministro da Saúde sobre falta de medicamentos para doenças raras


O ministro da Saúde, Ricardo Barros, reuniu-se nesta quarta-feira (25) com o vice-presidente do Senado, Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), e com portadores de doenças raras, representantes de associações, senadores e deputados. A senadora Ana Amélia (PP-RS), integrante da Subcomissão de Doenças Raras do Senado também participou da reunião, acompanhada dos colegas senadores.

O objetivo da reunião, segundo Cássio, foi verificar quais são os pacientes que estão sem o acesso à medicação e quais são as doenças que estão sem o tratamento regular. 

O ministro Ricardo Barros garantiu que o abastecimento dos remédios para o tratamento de doenças raras está regular e os processos de compra de medicação em dia.

— Se eventualmente algum usuário está tendo atraso no fornecimento ou seu processo teve algum problema, eu já pedi que se dirija [até o Ministério da Saúde] para identificarmos essas questões e adquirirmos o medicamento —disse.

Ricardo Barros afirmou que o Ministério da Saúde não tem dificuldades em cumprir decisões judiciais para quem realmente precise de medicamentos específicos. Contudo, chamou atenção para o fato de que entre municípios, estados e União foram pagos no último ano mais de R$ 7 bilhões no cumprimento de decisões judiciais.

— Mas nós estamos restringindo com muito rigor aquelas decisões que são apenas para favorecer os escritórios de advocacia e a indústria farmacêutica — ponderou.

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

14 de dez
Aprovada validade nacional para receitas de medicamentos
O projeto que dá validade nacional às receitas médicas e odontológicas de medicamentos foi aprovado em definitivo pelo Congresso Nacional no último dia 6. A iniciativa passou pela Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados e agora segue para sanção presidencial. A senadora Ana…

6 de dez
Política de preços dos medicamentos será debatida no Senado
A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) aprovou, nesta quarta-feira (6), o requerimento da senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) para que sejam discutidos os critérios da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED) na definição do preço dos fármacos.  A presidente…

CAS aprova regulamentação da profissão de esteticista e cosmetólogo
A Comissão de Assuntos Sociais (CAS) aprovou nesta quarta-feira (6) o substitutivo da senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) à proposta que regulamenta a profissão de esteticista e cosmetólogo. O PLC 77/2016 segue para o Plenário do Senado. Pela proposta, a regulamentação não trata…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail