Senadora garante apoio à demanda dos produtores brasileiros de cebola

08/11/2017 - Agricultura


Associação que represente o setor pede aumento da alíquota para importação

Senadora garante apoio à demanda dos produtores brasileiros de cebola

A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) vai solicitar o apoio dos ministros da Fazenda, Henrique Meirelles, do Planejamento, Dyogo Oliveira, e da Agricultura, Blairo Maggi, ao pedido da Associação Nacional dos Produtores de Cebola (ANACE) para aumentar de 10% para 35% o imposto na importação de cebola. Os ministros compõem a Secretaria Executiva da Câmara de Comércio Exterior (Camex), conselho vinculado à Presidência da República que coordena políticas e atividades relativas ao comércio exterior. 

De acordo com a parlamentar gaúcha, a medida é necessária para proteger os produtores brasileiros da concorrência desleal praticada por países europeus com elevados subsídios, como a Holanda. Segundo a Anace, o custo da produção da cebola nacional é de R$ 16,75 por caixa de 20 kg. Já a importação da cebola holandesa custa R$ 14,83 por caixa de 20kg, já calculados todos os encargos. 

Nesta terça-feira (8), a senadora Ana Amélia reuniu-se, em Brasília, com o delegado da Anace, Gilmar Pires, e representantes do setor para tratar sobre o tema. O Brasil é o 10º maior produtor mundial de cebola e o 13º importador no ranking global. Em 2016, as importações do produto atingiram US$ 60 milhões. A cebolicultura no Brasil é praticada por 50 mil estabelecimentos, 85% deles de agricultores familiares. O mercado gera 350 mil empregos diretos e indiretos.

Fonte: Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

11 de dez
Senado aprova novo limite para compra de leite de pequenos agricultores
O Plenário aprovou emenda da Câmara dos Deputados ao projeto que estabelece um novo limite de aquisição de leite no âmbito do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) do governo federal (ECD 1/2018). Conforme o texto aprovado, o limite mínimo passa a…

5 de dez
Aprovada urgência para projeto que garante compra mínima de leite de agricultores familiares
O Plenário vota na próxima terça-feira (11) o projeto que obriga o governo federal a realizar compras mínimas de leite produzido por agricultores familiares. O texto em pauta assegura a aquisição de pelo menos 35 litros por dia. O autor…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail