Senadora cobra que governo cumpra promessa de reduzir o IPI do vinho

22/02/2016 - Agricultura


Ana Amélia enfatizou que, na abertura da Festa da Uva, ministro prometeu decreto, mas não determinou prazo

Senadora cobra que governo cumpra promessa de reduzir o IPI do vinho

Na tribuna do Senado, nesta segunda-feira (22), a senadora Ana Amélia (PP-RS) cobrou que o governo cumpra a promessa de reduzir o IPI do vinho. Na última semana, o ministro Miguel Rossetto representou a presidente Dilma Rousseff na abertura da Festa da Uva, em Caxias do Sul, onde prometeu que a tributação será reduzida.

— O ministro Miguel Rossetto garantiu que o governo está preparando um decreto, só não disse quando esse decreto vai estar pronto para ser emitido pela Presidência da República — enfatizou a senadora.

Ana Amélia lembrou que a Medida Provisória que aumentava a IPI de diversos produtos, inclusive o vinho, foi aprovada no Congresso com alterações. Em relação ao setor vitivinícola, a tributação prevista inicialmente na MP era de 10%, mas a cobrança do setor, que emprega milhares de produtores, foi decisiva para convencer os parlamentares a diminuir o acréscimo, com cobrança de 6% este ano e de 5% em 2017.

Essas taxas, no entanto, foram vetadas pela presidente, mantendo a cobrança em 10%. Representantes do setor de uva e vinho trabalhavam nas últimas semanas para que o veto fosse derrubado. Com a promessa de Miguel Rossetto, agora o trabalho é para que o governo agilize o decreto determinando IPI de 6% este ano e de 5% em 2017.

A parlamentar gaúcha ressaltou que o setor vitivinícola vive momento delicado, especialmente no Rio Grande do Sul, onde o clima provocou grande redução na safra deste ano. No dia 3 de março, a Câmara Setorial da Uva e do Vinho estará reunida em Brasília para avaliar a dimensão dos estragos, estimados em mais de 50%.

Fonte: Assessoria de Imprensa


Senadora cobra cumprimento do acordo que evita aumento abusivo do IPI para o vinho


Mais notícias:

11/12/2018
Senado aprova novo limite para compra de leite de pequenos agricultores
O Plenário aprovou emenda da Câmara dos Deputados ao projeto que estabelece um novo limite de aquisição de leite no âmbito do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) do governo federal (ECD 1/2018). Conforme o texto aprovado, o limite mínimo passa a…

05/12/2018
Aprovada urgência para projeto que garante compra mínima de leite de agricultores familiares
O Plenário vota na próxima terça-feira (11) o projeto que obriga o governo federal a realizar compras mínimas de leite produzido por agricultores familiares. O texto em pauta assegura a aquisição de pelo menos 35 litros por dia. O autor…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail