Rota Brasil-Chile é tema de recepção ao vice-ministro de Relações Exteriores chileno

21 de ago - Relações Exteriores


Senadores da Comissão de Relações Exteriores participaram do encontro nesta segunda-feira

Rota Brasil-Chile é tema de recepção ao vice-ministro de Relações Exteriores chileno

Senadores da Comissão de Relações Exteriores do Senado participaram, na noite desta segunda-feira (21), de encontro com a presença do vice-ministro de Relações Exteriores do Chile, Edgardo Riveros. A agenda foi realizada na Embaixada do Chile e teve como anfitrião o embaixador Jaime Gazmuri. A senadora Ana Amélia (PP-RS) esteve presente.

O principal motivo da visita do vice-ministro ao Brasil foi para participar de seminário para tratar sobre a viabilidade de uma rota ligando o Mato Grosso do Sul ao norte do Chile. A ideia é debatida há quase 15 anos, mas nunca saiu do papel.

Além do debate sobre o tema, será feita uma expedição de ida e volta de empresários e autoridades, totalizando quase 5 mil quilômetros. Esse caminho poderá ser um novo canal de exportação de produtos brasileiros.

O grupo partirá de Campo Grande em direção a Porto Murtinho e segue em direção ao Oceano Pacífico, passando pelo Paraguai e Argentina. Para tirar a iniciativa do papel é preciso superar questões como entraves alfandegários, melhorar as condições das estradas e construir uma ponte binacional sobre o rio Paraguai.

O agronegócio será um dos setores beneficiados com o novo caminho para exportação. Só a destinação de grãos para o exterior poderá atingir 135 milhões de toneladas. O setor de turismo também será contemplado.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

Hoje
Ana Amélia cumpre missão oficial a convite do governo japonês
Uma comitiva de sete parlamentares brasileiros visitou o Japão, de 9 a 16 de dezembro, com o intuito de aprofundar as relações com o país asiático e estabelecer um intercâmbio de informações com o alto escalão do governo japonês. A senadora Ana Amélia…

29 de nov
Brasil e Argentina defendem 'harmonia' para barreiras comerciais
As agências de vigilância sanitária do Brasil e da Argentina devem revisar de forma conjunta e harmônica as barreiras não tarifárias que dificultam o comércio entre os dois países. A opinião é de senadores, deputados e especialistas que participaram nesta quarta-feira…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail