Relator acata emendas que mantêm desoneração dos setores têxtil, coureiro-calçadista e TI

20/06/2017 - Economia


Emendas são de autoria da senadora Ana Amélia

Relator acata emenda que mantém desoneração do setor coureiro-calçadista

O relator da MP 774/2017, senador Airton Sandoval (PSDB-SP), apresentou nesta terça-feira (20) relatório favorável à Medida Provisória, acatando emenda que mantém a desoneração para o setor coureiro-calçadista. A proposta havia sido apresentada pela senadora Ana Amélia (PP-RS) por entender a importância do setor para a economia. 

O relator acatou ainda emendas da parlamentar gaúcha incluindo os setores têxtil e de tecnologia da informação. Ana Amélia comemorou a decisão do relator, enfatizando que a manutenção de desoneração para esses setores garantirá milhares de empregos.

A MP 774/2017 dá fim à permissão para o recolhimento de contribuição previdenciária com base nas receitas brutas das empresas, e não sobre a folha de pagamentos. 

No relatório do senador Airton Sandoval ficaram mantidas as desonerações para os seguintes setores: coureiro-calçadista, tecnologia da informação, projeto de circuitos integrados e call center.

A tendência na comissão mista é que a votação ocorra apenas na semana que vem, dando tempo para mais negociações entre o relator e o governo. Após aprovação na comissão, matéria segue para o plenário do Senado.

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

3 de dez
“Brasil pode ser expulso de grupo internacional”, alerta senadora
Investimentos estrangeiros no Brasil serão dificultados se o Congresso Nacional não aprovar o projeto que trata do combate ao terrorismo e à lavagem de dinheiro. O alerta é da senadora Ana Amélia (Progressistas-RS), que nesta segunda-feira (3) foi à tribuna do Senado…

28 de nov
Ana Amélia recusa benefício de R$ 33,7 mil e destaca projeto para acabar com auxílio-mudança
A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) encaminhou ofício à Diretoria-Geral do Senado solicitando que não seja pago a ela o benefício conhecido como “auxílio-mudança”, destinado aos senadores eleitos e reeleitos e também aos que não conseguiram se reeleger.…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail