Relações comerciais são debatidas em encontro com a presença do co-presidente da Eurolat

03/11/2015 - Relações Exteriores


Senadora Ana Amélia participou do encontro no Itamaraty, com participação do deputado espanhol Jamón Atondo

Relações comerciais são debatidas em encontro com a presença do co-presidente da Eurolat

Reunião entre parlamentares e embaixadores, nesta terça-feira (2), no Itamaraty, com a presença do co-presidente da Eurolat (Assembleia Parlamentar Euro-Latinoamericana), deputado Jamón Jáuregui Atondo, discutiu questões relacionadas à s perspectivas do comércio entre o Brasil e a Europa. A senadora Ana Amélia (PP-RS), presidente da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA), participou do encontro.

Entre outras lideranças, estiveram presente o presidente da Representação Brasileira no Parlamento do Mercosul (Parlasul), senador Roberto Requião (PMDB-PR), o vice-presidente do Parlamento do Mercosul, deputado Arlindo Chinaglia, o chefe da  Assessoria Especial de Assuntos Federativos e Parlamentares, embaixador João Carlos de Souza Gomes, o diretor do Departamento de Negociações Internacionais, embaixador Ronaldo Costa Filho e o embaixador Samuel Pinheiro Guimarães.

No começo do encontro, as lideranças da Eurolat e do Parlamento do Mercosul explanaram sobre a importância dos acordos, com destaque para a negociação entre o Mercosul e a União Europeia, em andamento há 25 anos. Jamón Atondo falou sobre problemas na Europa, como o conflito entre Rússia e Ucrânia e a crise migratória no continente.

A senadora Ana Amélia, em sua fala, disse que o acordo entre o Mercosul e a União Europeia é um tema crucial. Esse processo  e a troca de ofertas para um acordo de livre comércio entre os blocos econômicos foi comentado durante a reunião pelo embaixador Ronaldo Costa Filho. O último encontro para tratar do tema ocorreu no dia 1º de outubro, no Paraguai, e novos desdobramentos sobre as propostas apresentadas podem ocorrer até o final deste ano.

Relações comerciais são debatidas em encontro com a presença do co-presidente da Eurolat

O Brasil é o oitavo maior parceiro comercial da UE. Em 2014, o bloco europeu importou 88,7 bilhões de dólares do Brasil, quase 20% das exportações brasileiras, e respondeu por 21% das importações.

O Mercosul vende para a UE principalmente produtos agrícolas, que representam 43% das exportações. A UE, por sua vez, exporta, sobretudo, equipamentos industriais e de transporte, que representam 46% das vendas externas.

Relações comerciais são debatidas em encontro com a presença do co-presidente da Eurolat



Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

6 de abr
Acordo internacional sobre o Aquífero Guarani avança no Senado Federal
A Comissão de Relações Exteriores do Senado aprovou, nesta quinta-feira (6), o Acordo sobre o Aquífero Guarani, firmado entre o Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai em 2010. Para entrar em vigor, o texto precisa ser ratificado pelos parlamentos dos quatro países. A próxima…

31 de mar
Governadores da Argentina e do Sul do Brasil realizam encontro em Porto Alegre
Governadores brasileiros e argentinos assinaram, nesta sexta-feira (31) a Carta de Porto Alegre, com estratégias definidas para ampliar o desenvolvimento social, econômico e comercial entre os dois países, intensificando o processo de integração regional. A abertura da Reunião…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail