"PT ataca para esconder seus erros", diz senadora

12/07/2018 - Geral


Na tribuna, senadora do Rio Grande do Sul criticou os ataques às instituições

Ana Amélia: PT ataca para esconder seus erros

A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) condenou, nesta quarta-feira (11), as críticas que políticos filiados ao Partido dos Trabalhadores têm feito ao juiz Sérgio Moro e à Justiça. Para a parlamentar gaúcha, a tática de criminalizar as instituições é usada para desviar o foco dos erros do partido que ficou 13 anos no poder.

O alvo do ataque dos petistas, desta vez, destacou Ana Amélia, é o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, já que a Polícia Federal não cumpriu de imediato o habeas corpus concedido pelo desembargador Rogerio Favreto para soltar o ex-presidente Lula.

A parlamentar considera que a medida do desembargador só serviu para gerar tumulto nos meios jurídicos e foi um flagrante desrespeito às decisões tomadas pela 8ª Turma do TRF-4, que condenou o ex-presidente, e pelo Supremo Tribunal Federal, que já havia negado um habeas corpus a Lula. Ana Amélia citou a opinião da presidente do Superior Tribunal de Justiça, Laurita Vaz:

— "É óbvio e ululante que o mero anúncio da intenção do réu preso de ser candidato a cargo público não tem o condão de reabrir a discussão acerca da legalidade do encarceramento, mormente quando, como no caso, a questão já foi examinada e decidida em todas as instâncias do Poder Judiciário, destacou a presidente do STJ” — disse a senadora, citando trecho de decisão da ministra.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


PT ataca para esconder seus erros


Mais notícias:

25 de jan
Em vídeo nas redes sociais, Ana Amélia se despede do Senado
A senadora gaúcha Ana Amélia (Progressistas) divulgou vídeo nesta sexta-feira (25) despedindo-se do mandato no Senado Federal. A partir de março a parlamentar assume a Secretaria Extraordinária de Assuntos Federativos e Internacionais do Rio Grande do Sul. No vídeo, Ana Amélia mostra o…

23 de jan
Lei que destina recursos a programa de eficiência energética é sancionada
Foi aprovada Lei 13.280/2016, que reserva 20% dos recursos das empresas de energia elétrica destinados à eficiência energética para aplicação no Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel). O programa promove a racionalização do consumo, por meio de…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail