Palácio do Planalto atuará para agilizar regulamentação de free shops na fronteira

17/05/2017 - Geral


Orçamento baixo da Receita Federal inviabiliza finalização do sistema de controle das lojas franca

Palácio do Planalto atuará para destravar instalações de free shops na fronteira

O ministro chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, recebeu nesta quarta-feira (17) a comitiva que está tratando da regulamentação das lojas francas nas cidades-gêmeas de fronteira. Na audiência, liderada pela senadora Ana Amélia (PP-RS), o ministro foi informado que a Receita Federal está sem verba para contratar a fase final de desenvolvimento do software de controles dos free shops pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro).

O ministro Padilha examinará o orçamento com os ministérios do Planejamento e da Fazenda e a Receita Federal. A estimativa é que 30 municípios sejam beneficiados com os free shops, entre eles dez cidades no Rio Grande do Sul. A implantação do sistema terá impacto no turismo e na economia das cidades-gêmeas de fronteira.

A instalação do sistema para as lojas franca é aguardada desde o fim de 2012, quando foi aprovado no Congresso Nacional o projeto que autorizou a instalação de free shops para a venda de mercadorias nas cidades-gêmeas de fronteira.  Também foi discutida na audiência a manutenção da cota de US$ 300 nas compras de brasileiros na fronteira, nos países vizinhos. O ministro Eliseu Padilha se comprometeu a levar a questão ao presidente Michel Temer.

Os municípios a serem beneficiados estão localizados nos Estados do Rio Grande do Sul, Acre, Amazonas, Amapá, Mato Grosso do Sul, Paraná, Roraima, Rondônia e Santa Catarina. No RS, estão incluídos Santana do Livramento, Chuí, Jaguarão, Porto Xavier, Porto Mauá, Aceguá, Barra do Quaraí, Itaqui, Quaraí, São Borja e Uruguaiana.

Participaram da audiência o presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale), deputado Adjuto Afonso (PDT-AM), o deputado federal Marco Maia (PT-RS); o presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Implantação dos Free Shops em Cidades-Gêmeas de Fronteira, deputado estadual Frederico Antunes (PP-RS); a presidente do Parlamentares do Sul (Parlasul), deputada estadual Liziane Bayer (PSB-RS); o deputado estadual Luiz Fernando Mainardi (PT-RS); o prefeito de Santana do Livramento, Ico Charopen (PDT-RS), a vice-prefeita do município, Mari Machado (PSB-RS), e o presidente da Câmara de Vereadores da cidade, Nilo Pintos (PP-RS).

Fonte: Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

13 de dez
Em artigo na Zero Hora, senadora faz prestação de contas à sociedade
Em artigo publicado no jornal Zero Hora, nesta quinta-feira (13), a senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) fez um balanço do seu primeiro mandato. A parlamentar gaúcha destacou a produção…

Primeira mulher a presidir a Associação do Ministério Público (AMP-RS) é empossada
A nova diretoria executiva da AMP/RS, com mandato até dezembro de 2020, foi empossada nesta quinta-feira (13), em solenidade realizada no final da tarde, no prédio-sede do Ministério Público gaúcho. A promotora de Justiça Martha Beltrame, eleita com 86% dos…

AJE PoA entrega prêmio Jovens Empresários 2018
A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) foi agraciada na noite desta quinta-feira (13) com o prêmio Jovens Empresários 2018. O evento foi organizado pela Associação dos Jovens Empresários de Porto Alegre, no Instituto Ling, e também marcou a posse da nova presidente, Laura Pandolfo, que assumiu…

12 de dez
Pelo segundo ano consecutivo, Ana Amélia é avaliada como a melhor parlamentar do Congresso pelo Ranking dos Políticos
Pelo segundo ano consecutivo, a senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) ficou na primeira colocação na avaliação feita pelo site Ranking dos Políticos, entre todos os 594 senadores e deputados. Coordenadores da ferramenta apartidária, criada por empreendedores…

Ana Amélia defende regras para o lobby para reduzir a corrupção
A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) lembrou a passagem, no domingo (9) do Dia Mundial de Combate à Corrupção. Ela destacou que o problema não afeta apenas o Brasil, mas todos os países. Após elogiar a operação Lava Jato, como ação…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail