País que vive 'estado de exceção' é a Venezuela, enfatiza Ana Amélia

26/10/2015 - Geral


Ex-presidente Lula havia criticado as delações premiadas, dizendo que o país vive ‘um quase estado de exceção’

País que vive 'estado de exceção' é a Venezuela, enfatiza Ana Amélia

A senadora Ana Amélia (PP-RS) rebateu, nesta segunda-feira (26), a afirmação de que o Brasil vive um quase estado de exceção, feita pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que criticou a delação premiada em encontro com militantes. A parlamentar gaúcha enfatizou que a delação não é “pau de arara”, pois ninguém é forçado a fazê-la.

— Não é um pau de arara a delação premiada. Só delata quem quer, espontaneamente, mediante condições. E, se a pessoa não cumprir as condições com as quais se comprometeu, há consequências — ressaltou a senadora.

Na opinião de Ana Amélia, em vez de criticar a Operação Lava Jato e fazer queixas contra a delação premiada, Lula deveria exaltar a independência, o republicanismo, a responsabilidade e a seriedade do Ministério Público, da Polícia Federal e do Judiciário e o trabalho que estão fazendo em favor da transparência.

— Se queremos um país livre da corrupção, temos que estimular e valorizar o que está sendo feito na Operação Lava Jato. Ninguém aqui defende nenhum arbítrio, nenhuma exceção, nenhum ato fora da legalidade. E até agora não temos nenhum gesto, seja do Poder Judiciário, seja do Ministério Público, seja da Polícia Federal, que revele ou insinue que esteja havendo arbitrariedade nesse processo.

Para Ana Amélia, o país que vive em estado de exceção é a Venezuela, onde o governo manda pessoas para a cadeia pelo simples fato de fazerem oposição ao governo de Nicolás Maduro. Outra prova disso, segundo a senadora, foi o veto atribuído ao governo da Venezuela ao nome do ex-ministro Nelson Jobim, do Tribunal Superior Eleitoral, para chefe da missão da União das Nações Sul-Americanas (Unasul) encarregada da observação das eleições venezuelanas, em dezembro.

Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

País que vive 'estado de exceção' é a Venezuela, enfatiza Ana Amélia

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Ana Amélia defende a delação premiada e destaca que estado de exceção ocorre em outros países


Mais notícias:

16 de out
Ana Amélia defende transparência na votação do afastamento de senador
A senadora Ana Amélia (PP-RS) afirmou que não pode usar uma “régua moral diferente” para votar casos envolvendo parlamentares. Por isso, ela defende votação aberta no Plenário na decisão sobre o afastamento do senador Aécio Neves.Segundo a senadora, todas as votações devem ser…

13 de out
Ana Amélia defende voto aberto na sessão que decidirá sobre afastamento de senador
Após notícias veiculadas na imprensa de que haveria articulação por uma votação secreta para deliberar sobre as medidas cautelares e o afastamento imposto ao senador Aécio Neves, na sessão marcada para a próxima terça-feira (17), a…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail