Novos rumos para o Brasil e para o Rio Grande do Sul são debatidos em congresso da Federasul

07/07/2017 - Economia


Senadora participou do evento mediado pela presidente da entidade, Simone Leite, com a presença de Eduardo Leite e Mateus Bandeira

Setor público precisa de prioridades, planejamento e avaliação de resultados, diz Ana Amélia em congresso da Federasul

No Congresso da Federasul, na tarde desta sexta-feira (7), em Canela, no painel “Um Novo Brasil, Um Novo RS”, a senadora Ana Amélia destacou que um dos problemas mais graves do setor público é a falta de prioridade, de planejamento e de avaliação de resultados. O painel, mediado pela presidente da Federasul, Simone Leite, contou também com a participação do ex-prefeito de Pelotas, Eduardo Leite, e do ex-presidente do Banrisul e ex-secretário de Planejamento do RS, Mateus Bandeira.

Em sua fala, a senadora ressaltou que os gestores precisam deixar de pensar somente na próxima eleição e que devem eleger prioridades sintonizadas com as demandas da sociedade: a melhoria dos serviços, a redução da burocracia e a garantia de segurança jurídica ao empreendedor.

Sobre as eleições de 2018, a parlamentar reforçou sua posição contra o voto em lista fechada. Questionada sobre um legado no mandato, Ana Amélia mencionou o fato de ser independente, sem indicar qualquer cargo no governo e votar sempre como manda a sua consciência, no que acredita ser o melhor para o país. 

Setor público precisa de prioridades, planejamento e avaliação de resultados, diz Ana Amélia em congresso da Federasul

Setor público precisa de prioridades, planejamento e avaliação de resultados, diz Ana Amélia em congresso da Federasul

Setor público precisa de prioridades, planejamento e avaliação de resultados, diz Ana Amélia em congresso da Federasul



Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

3 de dez
“Brasil pode ser expulso de grupo internacional”, alerta senadora
Investimentos estrangeiros no Brasil serão dificultados se o Congresso Nacional não aprovar o projeto que trata do combate ao terrorismo e à lavagem de dinheiro. O alerta é da senadora Ana Amélia (Progressistas-RS), que nesta segunda-feira (3) foi à tribuna do Senado…

28 de nov
Ana Amélia recusa benefício de R$ 33,7 mil e destaca projeto para acabar com auxílio-mudança
A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) encaminhou ofício à Diretoria-Geral do Senado solicitando que não seja pago a ela o benefício conhecido como “auxílio-mudança”, destinado aos senadores eleitos e reeleitos e também aos que não conseguiram se reeleger.…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail