Na tribuna, Ana Amélia destaca saída do PP do governo Dilma e apoio ao impeachment

13/04/2016 - Geral


Senadora gaúcha já vinha defendendo essa postura, confirmada na terça-feira pelos progressistas

Na tribuna, Ana Amélia destaca saída do PP do governo e apoio ao impeachment

A senadora Ana Amélia (PP-RS) destacou nesta quarta-feira (13), em Plenário, a decisão de seu partido de apoiar o impeachment da presidente Dilma Rousseff e entregar seus cargos no governo federal.

Ela classificou a decisão como resposta soberana do Partido Progressista à crise nacional e um ato de respeito à maioria da população. Ana Amélia afirmou que o posicionamento tranquilizou as bases do PP em estados que já faziam oposição ao governo, como o Rio Grande do Sul, onde o partido apoiou adversários de Dilma nas últimas duas eleições presidenciais.

— Que a população entenda as nossas posições e as causas pelas quais nós lutamos aqui. E essa decisão tomada ontem levou paz e tranquilidade às bases que se sentiram aí atendidas nessa demanda, que era um clamor de muito tempo — reiterou.

A senadora lembrou que, desde que assumiu o mandato, em 2011, sempre foi independente, entendendo que essa posição lhe dava autoridade e coerência para que, nos momentos de não aceitar decisões do Governo,  tivesse a liberdade de assim o fazer. 

— Não tenho e nunca tive nenhum cargo no Governo Federal para ter liberdade e trabalhar com isenção — disse Ana Amélia, cuja posição favorável ao impeachment é pública há bastante tempo.




Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Na tribuna, Ana Amélia destaca saída do PP do governo e apoio ao impeachment


Mais notícias:

18 de ago
Em Nova Hartz, Ana Amélia recebe demandas do setor calçadista
Em roteiro no Vale dos Sinos nesta sexta-feira (18), a senadora Ana Amélia (PP-RS), esteve reunida em Nova Hartz com o prefeito, Flavio Jost, e representantes do setor calçadista que apresentaram os principais desafios enfrentados para empreender. A mais insistente demanda é que…

16 de ago
TRE-RS conclui estudo sobre o impacto do rezoneamento eleitoral no estado
O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS), desembargador Carlos Marchionatti, comunicou à senadora Ana Amélia (PP-RS), nesta quarta-feira (16), que foi concluído memorial detalhando como o rezoneamento previsto pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) prejudicará os eleitores gaúchos…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail