Ministro da Agricultura recebe representantes de cadeias produtivas do Rio Grande do Sul

22/06/2016 - Agricultura


Senadora Ana Amélia reforçou pedidos das lideranças na audiência com Blairo Maggi

Ministro da Agricultura recebe representantes de cadeias produtivas do Rio Grande do Sul

Representantes da produção de arroz, trigo, tabaco e maçã do Rio Grande do Sul estiveram reunidos com o ministro da Agricultura, senador Blairo Maggi, em Brasília, nesta quarta-feira (22).

Entre as demandas, uma maior cobertura de seguros, principalmente para a fruticultura, que teve perdas com geadas e chuva fora de época no ano passado. Representantes da triticultura também pediram um apoio nessa área e ressaltaram o problema de logística, que encarece a produção e facilita a entrada de trigo mais barato de outros países. Preço também foi pauta de representantes da cadeia orizícola. Prefeitos de municípios produtores de tabaco e representantes desta cultura pediram interlocução de Maggi com o Ministério da Justiça para auxiliar no combate ao contrabando.

Acompanhando a reunião, a senadora Ana Amélia (PP-RS) ressaltou a importância dessas cadeias para o desenvolvimento econômico do Estado.

Blairo Maggi frisou que o momento econômico é complicado para investimentos, mas se colocou à disposição para articulações necessárias e o andamento de demandas onde a burocracia está dificultando o desenvolvimento das cadeias.

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

9 de nov
Farsul e Federarroz entregam demandas ao ministro da Agricultura
O presidente da Federarroz, Henrique Dornelles, e o vice-presidente da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul), Gedeão Ferreira, apresentaram ao ministro da Agricultura, Blairo Maggi, demandas do setor para equiparar os custos de produção no Brasil, aos dos países do Mercosul.…

8 de nov
Senadora garante apoio à demanda dos produtores brasileiros de cebola
A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) vai solicitar o apoio dos ministros da Fazenda, Henrique Meirelles, do Planejamento, Dyogo Oliveira, e da Agricultura, Blairo Maggi, ao pedido da Associação Nacional dos Produtores de Cebola (ANACE) para aumentar de 10% para 35%…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail