Ministério da Educação confirma início das aulas do curso de medicina em Uruguaiana

11/02/2016 - Educação


Senadora Ana Amélia tratou do assunto em reunião nesta quinta-feira

Ministério da Educação confirma início das aulas do curso de medicina em Uruguaiana

Em audiência na tarde desta quinta-feira (11) no Ministério da Educação, a senadora Ana Amélia (PP-RS) e o deputado estadual Frederico Antunes (PP) receberam a confirmação de que a aula inaugural do curso de medicina autorizado recentemente na Universidade Federal do Pampa (Unipampa), em Uruguaiana, será realizada na primeira quinzena de março, entre os dias 3 e 11. A informação partiu da diretora de Desenvolvimento da Rede de Instituições Federais de Ensino Superior, Dulce Maria Tristão, e pelo diretor de Desenvolvimento da Educação em Saúde, Vinicius da Rocha.

Conforme as informações, o processo da contratação de docentes está em fase de conclusão. Vinícius da Rocha disse que uma comissão especial do Ministério esteve recentemente em Uruguaiana e que as condições favoráveis, como a boa articulação da rede municipal de saúde e a existência de outros cursos nesta área na universidade, foram fatores importantes para que o cronograma de prazos fosse mantido. No total, serão oferecidas 60 vagas.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

17 de mai
Estudantes de Campinas visitam Brasília para conhecer o trabalho de senadores e deputados
Cerca de 60 alunos do 1º ano do Ensino Médio da Escola Comunitária de Campinas estiveram em Brasília nesta semana para conhecer de perto o trabalho dos parlamentares. A turma esteve com a senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) na quinta-feira (17),…

15 de mai
Ministro da Educação confirma à senadora Ana Amélia que MEC irá recorrer da decisão sobre edital de medicina
Durante audiência na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado, nesta terça-feira (15), ao ser questionado pela senadora Ana Amélia (Progressistas-RS), o ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva,…

Ministério confirma que espanhol poderá continuar no currículo escolar
A publicação da Lei 13.415/2017, que alterou a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Comum Curricular, gerou preocupação nas cidades de fronteira do Brasil por tornar a língua inglesa idioma obrigatório a ser ensinado aos jovens brasileiros. No entanto, segundo o ministro da…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail