MEC garante que língua espanhola poderá continuar no currículo escolar

15/05/2018 - Educação


Ensino da língua é fundamental para o relacionamento comercial e integração do Mercosul

Ministério confirma que espanhol poderá continuar no currículo escolar

A publicação da Lei 13.415/2017, que alterou a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Comum Curricular, gerou preocupação nas cidades de fronteira do Brasil por tornar a língua inglesa idioma obrigatório a ser ensinado aos jovens brasileiros. No entanto, segundo o ministro da Educação, Rossieli Soares, “a Lei olha para realidade local e incentivará as especificidades regionais”.

O ministro foi questionado sobre o tema pela senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) durante audiência pública na Comissão de Educação nesta terça-feira (15).  Apenas no Rio Grande do Sul, 167 municípios fazem fronteira com Uruguai e a Argentina, onde o espanhol é fundamental para o relacionamento comercial e na integração do Mercosul.

— A comunicação mundial se dá pela língua inglesa, que é estratégica para o desenvolvimento do Brasil. Mas trazer a língua inglesa para a obrigatoriedade não significa retirar a oportunidade de outras línguas. A intenção da nova Lei é facilitar a comunicação do Brasil com o mundo e olhar para os contextos específicos — disse o ministro.

O tema chegou ao gabinete da senadora Ana Amélia pela Comissão do Mercosul e Assunto Internacional da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, presidida pelo deputado Frederico Antunes (Progressistas-RS), e pelo prefeito de Uruguaiana, Ronnie Melo, ambos do Progressistas gaúcho.

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

12/12/2018
Senado aprova financiamento de instituições de interesse público com recursos privados
O Plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (12) a criação dos chamados fundos patrimoniais de apoio a instituições de interesse público. Aprovado na forma de Projeto de Lei de Conversão (PLV 31/2018), o texto é proveniente da Medida Provisória (MP) 851/2018 e segue para a sanção…

11/12/2018
Importação de material biológico humano para pesquisas e ensino é aprovado por comissão do Senado
A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) aprovou nesta terça-feira (11) o projeto do senador Eduardo Amorim (PSDB-SE) que regula a importação de material biológico humano para fins de pesquisas e de ensino (PLS 484/2013). A proposta…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail