Lideranças do Brasil e da Argentina discutem relação entre os dois países no 21º Meeting Internacional

14/10/2016 - Relações Exteriores


Senadora Ana Amélia participou do evento nesta sexta-feira

Lideranças do Brasil e da Argentina discutem relação entre os dois países no 21º Meeting Internacional

Realizado nesta sexta-feira (14), em Buenos Aires, o 21º Meeting Internacional discutiu na reunião de abertura a relação entre Brasil e Argentina. O evento reuniu lideranças dos setores público e privado dos dois países. A senadora Ana Amélia (PP-RS), presidente da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária, participou do evento.

Em sua fala, Ana Amélia defendeu protagonismo maior no comércio mundial do Mercosul na área de alimentos: soja, milho, arroz, carnes. A união do bloco, disse a senadora, dará mais força quando o importador tentar manobra para reduzir preços, alegando, às vezes, inexistentes ou frágeis questões sanitárias (vide a ação chinesa).

Um dos participantes do evento foi o prefeito eleito no primeiro turno em São Paulo, João Doria (PSDB), que disse que irá governar para a periferia da cidade mais rica do país. São Paulo tem um cinturão de pobreza de 2 milhões de pessoas. Com 12 milhões de habitantes, é o terceiro maior município do mundo.

Entre outras lideranças, o evento conta com as presenças do ministro do Turismo, Marx Beltrão; do secretário-executivo do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando de Magalhães Furlan e do embaixador Sérgio Danese.

Lideranças do Brasil e da Argentina discutem relação entre os dois países no 21º Meeting Internacional




Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

15 de dez
Ana Amélia cumpre missão oficial a convite do governo japonês
Uma comitiva de sete parlamentares brasileiros visitou o Japão, de 9 a 16 de dezembro, com o intuito de aprofundar as relações com o país asiático e estabelecer um intercâmbio de informações com o alto escalão do governo japonês. A senadora Ana Amélia…

29 de nov
Brasil e Argentina defendem 'harmonia' para barreiras comerciais
As agências de vigilância sanitária do Brasil e da Argentina devem revisar de forma conjunta e harmônica as barreiras não tarifárias que dificultam o comércio entre os dois países. A opinião é de senadores, deputados e especialistas que participaram nesta quarta-feira…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail