Lewandowski diz que só irá decidir data de julgamento depois do dia 9

04/08/2016 - Geral


Votação do parecer no Plenário acontece na próxima terça-feira

Lewandowski diz que só irá decidir data de julgamento depois do dia 9

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, reuniu-se com líderes partidários e integrantes da Comissão Especial do Impeachment (CEI) nesta quinta-feira (4), para definir o roteiro da sessão plenária da próxima terça-feira (9). No Plenário, os senadores irão decidir se acatam o parecer de Antonio Anastasia (PSDB-MG), que recomenda o julgamento da presidente afastada, Dilma Rousseff, por crime de responsabilidade.

— Não tocamos em nada que diga respeito a uma possível futura sessão de julgamento, porque isso só poderá ser decidido a partir do dia 9, se for o caso — esclareceu Lewandowski.

O roteiro da reunião plenária do dia 9 de agosto tem 24 itens, cada um deles discutido de forma destacada com o conjunto dos senadores, segundo o presidente do STF. Essa negociação parte do momento de início dos trabalhos, às 9h, passando pela definição de pausas a cada quatro horas, até chegar ao número de testemunhas de defesa e acusação: seis representando cada lado.

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

Hoje
Bancada gaúcha lança frente parlamentar pela construção do Hospital do Câncer
Os 34 parlamentares gaúchos no Congresso Nacional se uniram pela construção do Hospital do Câncer no Grupo Hospitalar Conceição (GHC). A bancada gaúcha lançou, nesta quarta-feira (28), Frente Parlamentar em Prol da Construção do Hospital do Câncer GHC. O…

Comissão mista aprova relatório da MP 774. Destaques serão votados na semana que vem
A comissão mista que analisa a MP 774 aprovou hoje, no Senado, o relatório do senador Airton Sandoval (PMDB-SP), mantendo a desoneração de setores importantes para a economia como o coureiro-calçadista, têxtil e de Tecnologia…

27 de jun
“Não podemos admitir ameaças e incitação à violência”, defende Ana Amélia
A senadora Ana Amélia (PP-RS) criticou o discurso de petistas e nota oficial do partido que defendeu o Luís Inácio Lula da Silva fazendo ameaças e incitando a violência. De acordo com a parlamentar gaúcha, o ex-presidente recebe tratamento deum “ ídolo…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail