Gabinete da senadora apoia demanda do da indústria de doces e conservas de Pelotas em reunião na Anvisa

06/09/2017 - Geral


Encontro discutiu a regulamentação relacionada ao rótulo dos enlatados

Gabinete da senadora apoia demanda do da indústria de doces e conservas de Pelotas em reunião na Anvisa

Lideranças do Sindicato da Indústria de Doces e Conservas Alimentícias de Pelotas (Sindocopel), liderados pelo presidente Paulo Afonso Crochemore, acompanhados do assessor do gabinete da senadora Ana Amélia (PP-RS), Francisco Sousa, estiveram na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), nesta quarta-feira (6), para tratar da regulamentação do envasamento de pêssego em calda.

A regulamentação é necessária para evitar qualquer ameaça da vigilância sanitária em algum Estado em relação a especificações sobre o tipo de pêssego contidas no rótulo das embalagens. Recentemente, em Minas Gerais, houve questionamentos quanto a termos utilizados no rótulo, que seriam diferentes de outros produtos vendidos naquele Estado.

Essas especificações hoje não são normatizadas, porém, explicam os dirigentes do Sindicopel, são importantes para diferenciar o produto, garantindo que o consumidor possa escolher o pêssego em calda de sua preferência e nivelando os produtos conforme a qualidade, que é prioridade dos produtores de Pelotas. A solução do problema é importante para evitar qualquer tipo de proibição da venda. Minas Gerais, por exemplo, compra 8% do pêssego em calda produzido no município da Zona Sul, que é o maior produtor no Brasil.

Segundo a Anvisa, apesar disso, não há risco de alguma sanção momentânea em função das informações contidas no rótulo. Os técnicos da Agência também informaram que o Ministério da Agricultura iniciou consulta pública para normatizar regras de embalagem envolvendo várias frutas e verduras e que a própria Anvisa também realizará consulta pública e convidará o setor para se pronunciar. A senadora Ana Amélia e o gabinete continuarão acompanhando o assunto para agilizar o processo de normatização.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

1 de nov
“É possível ser produtivo e zelar pelo uso do dinheiro público”, afirma Ana Amélia
A sociedade está cada vez mais vigilante no trabalho dos políticos, principalmente no uso de benefícios e produtividade. A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) foi à tribuna do Senado, nesta semana, para destacar que é possível zelar pelo…

30 de out
Estatais que dão prejuízo e não prestam serviço à população devem ser fechadas, diz Ana Amélia
Em discurso na tribuna nesta terça-feira (30), a senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) disse que um dos caminhos para ajudar a resolver o dilema da falta de dinheiro nos cofres do governo aponta para as estatais,…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail