Frente Parlamentar em Defesa do Carvão Mineral é reinstalada

25/08/2015 - Economia


Senadora Ana Amélia participou do ato nesta terça-feira

Frente Parlamentar em Defesa do Carvão Mineral é reinstalada

A Frente Parlamentar Mista em Defesa do Carvão Mineral foi reinstalada nesta terça-feira (25). O senador Paulo Bauer (PSDB-SC) foi eleito como novo coordenador da frente, formada por 185 deputados e 14 senadores e com dez anos de existência. A senadora Ana Amélia acompanhou o ato, que também teve a participação do ministro do Trabalho, Manoel Dias.

Para o deputado Afonso Hamm (PP-RS), que presidiu a frente desde 2013, houve conquistas importantes para o setor, como a participação maior do carvão como matriz energética, com custo “compatível para o consumidor” e proposta “ambientalmente equilibrada” nos leilões promovidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Hamm afirmou, porém, que há muito a avançar no uso dessa fonte de energia. Durante o evento, o deputado foi homenageado pela Associação Brasileira do Carvão Mineral (ABCM) e pelo Sindicato da Indústria de Extração de Carvão de Santa Catarina.

— O mundo todo utiliza carvão mineral para 41% da geração elétrica; e o Brasil, menos de 2%. Então, nós temos espaço — declarou o deputado.

O ministro do Trabalho, Manoel Dias, participou do evento e disse que o carvão mineral, mesmo com uma campanha nacional contrária ao seu uso, continua sendo uma importante fonte mundo afora.

— Hoje ele tem um papel importante, quando o mundo se ressente da redução de águas. O carvão mineral ainda representa 41% da produção de energia no mundo — ressaltou.

Segundo Dias, é preciso recuperar o prestígio do uso do carvão mineral, usado para alimentar usinas termelétricas.

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

17 de abr
Modernização das leis trabalhistas é tema de debate promovido pelas federações das indústrias dos estados do Sul
No painel que debateu a modernização das leis trabalhistas, no 1º Fórum Sul Brasileiro de Relações do Trabalho, nesta segunda-feira (17), a senadora Ana Amélia (PP-RS) defendeu o fim da contribuição sindical obrigatória para empresários e…

30 de mar
Sindicato apresenta estudo sobre impacto da correção das tabelas do Imposto de Renda na economia
Um estudo inédito realizado pelo Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis do Rio Grande do Sul (Sescon-RS) e a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) revela que, dos R$ 97 bilhões arrecadados pelo…

Ana Amélia pede agilidade na liberação de recursos do Proex
Em discurso na tribuna nesta quarta-feira (29), a senadora Ana Amélia (PP-RS) cobrou do governo mais agilidade em relação às operações do Programa de Financiamento às Exportações do Governo Federal (Proex). A morosidade nos processos tem prejudicado exportadores brasileiros, disse a parlamentar, lembrando…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail