Falhas de gestão ameaçam políticas públicas voltadas ao sistema educacional brasileiro

22/02/2016 - Educação


Tema foi abordado nesta segunda-feira, na tribuna, pela senadora Ana Amélia

As falhas de gestão ameaçam políticas públicas voltadas ao sistema educacional brasileiro

As falhas de gestão na educação foram apontadas, nesta segunda-feira (22), no plenário, pela senadora Ana Amélia, como graves ameaças à eficiência das políticas públicas voltadas ao sistema educacional brasileiro. A parlamentar citou também reportagem da Revista Isto É que apontou o superfaturamento das vagas do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) no ano passado. 

Segundo a reportagem, o Ministério da Educação (MEC) divulgou que o número de bolsas disponíveis para estudantes universitários em todo o país somava 314 mil. Os dados consolidados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), porém, indicam que foram preenchidas 287.123 mil vagas, 8,56% a menos do que o divulgado.

– Isso, realmente, mostra a debilidade do sistema. Esse problema do sistema foi algo que o MEC nunca conseguiu explicar direito. Sempre achei isso muito estranho. – disse a Senadora se referindo às declarações do ministro da Educação no segundo mandato de Dilma Roussef, Renato Janine Ribeiro.

Segundo informações do próprio MEC, entre 2014 e 2015, houve uma queda de 60,85% de novos acordos firmados. Para o primeiro semestre deste ano de 2016, o MEC ofertou 250.279 financiamentos em 1.337 instituições de educação superior com taxa de juros a 6,5% ao ano. O Ministério divulgou que abrirá novas inscrições para o segundo semestre, mas ainda não sabe quantas vagas serão disponibilizadas.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

20 de jun
Comissão aprova relatório favorável à MP dos recursos para a educação
A comissão mista que analisa a Medida Provisória 773/2017 aprovou, nesta terça-feira (20), relatório de autoria do deputado Gabriel Guimarães (PT-MG) favorável matéria. A MP autoriza estados, Distrito Federal e municípios que não cumpriram o limite constitucional de gastos com educação no…

19 de jun
UnB debate projeto que cria fundo de financiamento para instituições de ensino e pesquisa
Ex-alunos da Universidade de Brasília (UnB) promoveram, nesta segunda-feira (19), debate sobre o Projeto de Lei do Senado (PLS) nº16/2015, que prevê a criação de fundos patrimoniais para financiar universidades públicas e comunitárias. Esse modelo, também conhecido…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail