Decisão do STF sobre código florestal é lembrada por Ana Amélia no Plenário

28/02/2018 - Agricultura


Agricultores que desmataram até 2008 terão que fazer a compensação ambiental

Decisão do STF sobre código florestal é lembrada por Ana Amélia no Plenário

Em discurso no Plenário do Senado nesta quarta-feira (28), a senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) destacou a decisão dos ministros do STF em perdoar dívidas por desmatamento, até 2008, desde que haja a recuperação de terras e rios degradados, como consta no novo código.

A parlamentar destacou que a medida não significa anistia nem moratória, pois o agricultor reconhece o dano feito ao meio ambiente e se compromete a fazer a compensação e, se não o fizer, arcar com a multa.

Para Ana Amélia, o Supremo Tribunal Federal mostrou respeito ao esforço do Senado na aprovação do Código Florestal, que foi fruto de uma ampla discussão:

— Recupera a competência e a prerrogativa que esta Casa tem na confecção de uma legislação que é considerada a mais moderna, a mais atualizada, a mais preservacionista, a mais sustentável de quantos países produtores agrícolas têm, comparativamente ao Brasil — afirmou a senadora.

Ana Amélia frisou também que o Brasil, mesmo sendo um dos maiores produtores de alimento do mundo, é preservacionista: não utiliza nem 10% do seu território para a produção agrícola.

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

11/12/2018
Senado aprova novo limite para compra de leite de pequenos agricultores
O Plenário aprovou emenda da Câmara dos Deputados ao projeto que estabelece um novo limite de aquisição de leite no âmbito do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) do governo federal (ECD 1/2018). Conforme o texto aprovado, o limite mínimo passa a…

05/12/2018
Aprovada urgência para projeto que garante compra mínima de leite de agricultores familiares
O Plenário vota na próxima terça-feira (11) o projeto que obriga o governo federal a realizar compras mínimas de leite produzido por agricultores familiares. O texto em pauta assegura a aquisição de pelo menos 35 litros por dia. O autor…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail