Crise no RS é herança de uma gestão irresponsável, avalia Ana Amélia

24/11/2016 - Economia


Rio Grande do Sul decretou estado de calamidade financeira

Crise no RS é herança de uma gestão irresponsável, avalia Ana Amélia

Ao comentar o decreto de estado de calamidade financeira do Rio Grande do Sul na tribuna, nesta terça-feira (22), a senadora Ana Amélia (PP-RS) disse que a decisão tomada pelo atual governador, José Ivo Sartori (PMDB), é o resultado de uma herança que recebeu de um governo que gastou irresponsavelmente e promoveu um déficit nas contas do Estado acima da média.

Ana Amélia citou que o governo anterior, de Tarso Genro (PT), recebeu o Estado com um superávit de R$ 142 milhões, mas entregou, quatro anos depois, com um déficit de R$ 4,4 bilhões. Além disso, realizou saques do caixa único e dos depósitos judiciais que totalizaram mais de R$ 7 bilhões. Os números apresentados pela parlamentar foram divulgados em matéria do jornal Zero Hora.

— Esses números deixam muito claro o que está acontecendo hoje no Rio Grande do Sul e a consequência dramática das finanças como a herança da irresponsabilidade fiscal de quem faz um saque de R$ 7 bilhões — disse a senadora.

A senadora acrescentou que gestão pública de qualidade e responsabilidade fiscal não podem ter ideologia, apenas competência e responsabilidade com o dinheiro público.

— Gastar muito não é gastar bem. Por isso, é preciso gastar com responsabilidade e investir com qualidade o dinheiro público — acrescentou.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Crise no RS é resultado da herança de irresponsabilidade do PT, diz Ana Amélia


Mais notícias:

25 de mai
Artigo no jornal NH:
Em artigo publicado no Jornal NH, de Novo Hamburgo, nesta quinta-feira (25), a senadora Ana Amélia (PP-RS) defendeu que o governo reveja medidas que oneram setores importantes da economia brasileira. "O Brasil com 14 milhões de desempregados não dá direito ao governo para aumentar esse contingente com decisões…

Senado aprova MP que permite saque das contas inativas do FGTS
O Plenário do Senado aprovou, nesta quinta-feira (25), a Medida Provisória 763/2016, que permite o saque dos recursos das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) sem a carência de três anos exigida pela lei.A senadora…

23 de mai
Irresponsabilidade da oposição penalizará 15 milhões de trabalhadores, alerta Ana Amélia
A promessa de líderes da oposição de que irão obstruir todas votações em protesto contra o governo penalizará 15 milhões de trabalhadores que ainda não efetuaram o saque das suas contas inativas do FGTS, alertou a senadora Ana Amélia (PP-RS)…

Governo vai analisar impactos da desoneração da folha no setor coureiro-calçadista
Em audiência nesta terça-feira (23), o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, solicitou ao presidente da Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), Heitor Klein, estudo sobre o impacto da desoneração da folha de pagamento no setor coureiro-calçadista. A…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail