“Criminosos que destruíram fazenda na Bahia devem responder por danos materiais e desemprego”, cobra Ana Amélia

09/11/2017 - Geral


Parlamentar gaúcha leu carta de funcionário do grupo Igarashi

“Criminosos que destruíram fazenda na Bahia têm que responder pelos 100 desempregados”, defende Ana Amélia

A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) leu nesta quinta-feira (9), no Plenário do Senado, uma carta que recebeu de Rogério Aranibar, funcionário do grupo Igarashi cuja planta, em Correntina, no Oeste da Bahia, foi destruída por criminosos travestidos de manifestantes. O ato criminoso resultou em prejuízo com a destruição e o incêndio de galpões, máquinas agrícolas e outros equipamentos do empreendimento de uma família de imigrantes japoneses que produziam cenoura, tomate, alho, batata, cebola, feijão e outros alimentos.

O prejuízo é estimado em R$ 60 milhões. Ana Amélia defendeu que os vândalos sejam responsabilizados também pelos 100 empregados da planta de Correntina que ficaram sem empregos.

—Rogério Aranibar relata a história da companhia que cresceu vencendo as burocracias do Estado fazendo tudo, honestamente. As imagens da destruição mostram operações típicas de guerrilha — afirmou

Os invasores chegaram em caminhões e em mais dez ônibus. Na segunda-feira (6), a parlamentar gaúcha também lembrou dos ataques em Correntina.


Fonte: Assessoria de Imprensa


Funcionários de empreendimento destruído por criminosos estão desempregados


Mais notícias:

25 de jan
Em vídeo nas redes sociais, Ana Amélia se despede do Senado
A senadora gaúcha Ana Amélia (Progressistas) divulgou vídeo nesta sexta-feira (25) despedindo-se do mandato no Senado Federal. A partir de março a parlamentar assume a Secretaria Extraordinária de Assuntos Federativos e Internacionais do Rio Grande do Sul. No vídeo, Ana Amélia mostra o…

23 de jan
Lei que destina recursos a programa de eficiência energética é sancionada
Foi aprovada Lei 13.280/2016, que reserva 20% dos recursos das empresas de energia elétrica destinados à eficiência energética para aplicação no Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel). O programa promove a racionalização do consumo, por meio de…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail