Conselho do Prêmio Jornalista Roberto Marinho é instalado e terá Ana Amélia na vice-presidência

04/08/2015 - Geral


Presidente do grupo que irá definir jornalistas a serem homenageados é o senador Cristovam Buarque

Conselho do Prêmio Jornalista Roberto Marinho é instalado e terá Ana Amélia na vice-presidência

O Senado instalou nesta terça-feira (4) o conselho do Prêmio Jornalista Roberto Marinho de Mérito Jornalístico. O colegiado será presidido pelo senador Cristovam Buarque (PDT-DF), tendo como vice-presidente a senadora Ana Amélia (PP-RS).

A premiação foi criada em 2009 com o objetivo de reconhecer os jornalistas que tenham contribuído para o engrandecimento da profissão no país.

O conselho será formado por 15 senadores, representando os diversos partidos com assento na Casa. Eles avaliarão os nomes que podem ser indicados por qualquer senador e pela sociedade civil por meio dos canais de comunicação do Senado ou diretamente aos parlamentares.

Cristovam afirmou que a premiação é um reconhecimento da importância do jornalismo para o exercício da democracia. Os profissionais da área, muitas vezes são responsáveis por cobrir grandes pautas, a exemplo de casos de corrupção ou investigações, também enfrentam dificuldades como falta de segurança, baixos salários e demissões, segundo o senador.

— Acredito ser necessário valorizar essa profissão, não só com melhores salários, mas também com um prêmio. Estamos em um momento em que o jornalismo precisa ser reconhecido. Os senadores e a sociedade civil indicarão os nomes que, para eles, merecem essa homenagem pelo serviço ético que tenham feito.

A primeira edição do Prêmio Jornalista Roberto Marinho terá lugar em sessão especial no Plenário do Senado, ainda sem data definida.

Roberto Marinho, que dará nome à premiação, foi um dos brasileiros mais influentes do século 20. Após herdar do pai, Irineu Marinho, o jornalO Globo(em 1925), formou o maior conglomerado de comunicação do país, com televisão, rádio, jornal impresso e serviços de informação e entretenimento na internet. O jornalista morreu em 2003, aos 98 anos.


Foto: Ana Amélia e Cristovam Buarque foram escolhidos vice-presidente e presidente, respectivamente. (Foto: Arquivo 2014/Jefferson Rudy/Agência Senado)


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

23 de jun
Em artigo no jornal Correio Braziliense, Ana Amélia apresenta proposta para democratizar processo de escolha de ministros do STF
Em artigo publicado nesta sexta-feira (23), no jornal Correio Braziliense, a senadora Ana Amélia (PP-RS) destacou proposta que altera o processo de escolha dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). A parlamentar…

22 de jun
O Brasil é uma nação sem consciência da sua própria grandeza e das riquezas presentes em seu território. A afirmação foi feita pelo comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, em audiência pública nesta quinta-feira (22) na Comissão…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail