Comissão de Agricultura debaterá perspectivas da agricultura brasileira com o governo Trump

10/11/2016 - Agricultura


Sugestão apresentada pelo senador Roberto Muniz foi contou com apoio da presidente da CRA, senadora Ana Amélia

Comissão de Agricultura debaterá perspectivas da agricultura brasileira com o governo Trump

A relação comercial Brasil-Estados Unidos após a eleição de Donald Trump será discutida na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA), presidida pela senadora Ana Amélia (PP-RS).  A sugestão para o debate partiu do senador Roberto Muniz (PP-BA), na reunião desta quinta-feira (10).

A reunião deverá contar com a presença do ministro da Agricultura, Blairo Maggi; do embaixador brasileiro nos Estados Unidos, Sérgio Amaral, e de representante da Organização Mundial do Comércio (OMC).

Para a presidente da CRA, senadora Ana Amélia (PP– RS), nem sempre os republicanos são protecionistas ou dificultam as relações comerciais com outros países.

Oficialmente, o governo brasileiro diz não acreditar em mudança nas relações com os norte-americanos depois da posse de Donald Trump, em 20 de janeiro do ano que vem. O presidente Michel Temer, disse acreditar que há relações institucionais e afirmou que os Estados Unidos são prioridade para o Brasil.

Comissão de Agricultura debaterá perspectivas da agricultura brasileira com o governo Trump



Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

19 de out
Ana Amélia sugere compra do excedente de leite para amenizar crise no setor
Na Comissão de Relações Exteriores (CRE) do Senado, nesta quinta-feira (19), a senadora Ana Amélia (PP-RS) sugeriu que a Agência Brasileira de Cooperação do Itamaraty ative, através dos acordos internacionais, a compra do excedente de leite e doe…

11 de out
No Plenário, Ana Amélia reforça reivindicação da cadeia produtiva do leite
No Plenário do Senado, nesta quarta-feira (11), a senadora Ana Amélia (PP-RS) destacou reivindicação importante aguardada pela cadeia produtiva do leite: a aquisição dos estoques excedentes pelo governo para reduzir a oferta no mercado interno e amenizar a crise no…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail