Brasileiros é que foram vítimas de golpe, diz Ana Amélia em oitiva da presidente afastada

29/08/2016 - Geral


Senadora ressaltou que presença da presidente Dilma Rousseff no Senado reforça legitimidade do processo

Povo é que foi golpeado, diz Ana Amélia em oitiva da presidente afastada

A senadora Ana Amélia (PP-RS) afirmou nesta segunda-feira (29) que a presença da presidente Dilma Rousseff no Senado, na sessão de julgamento do impeachment, legitima o processo em curso e derruba a versão de que se trata de um "golpe". Ana Amélia acrescentou que não há dúvidas de que o crime de responsabilidade existiu nos decretos de crédito suplementar e nas "pedaladas" fiscais.

- A sua presença aqui legitima o julgamento e derruba a narrativa da Sua Excelência, como insiste, como fez agora no seu pronunciamento, em fazer a referência a golpe. O verdadeiro golpe foi contra milhões de brasileiros desempregados e milhares de jovens que ficaram, entre outras coisas, sem o Prouni e sem o Fies – disse Ana Amélia.

A parlamentar ressaltou ainda que o que está sendo julgado não é a biografia da presidente afastada, mas sim, atos praticados por Dilma à frente do Governo.

— A fraude fiscal e os decretos sem autorização do Congresso tinham, direta ou indiretamente, suas digitais e com claros objetivos eleitorais em 2014. O crime de responsabilidade, detalhado minuciosamente no libelo acusatório elaborado pelos Profs. Janaina Paschoal, Miguel Reale Júnior e Hélio Bicudo, não deixa margem à dúvida. O crime existiu nos decretos com a sua assinatura e na fraude fiscal, chamada por todos de pedalada, autorizada por Sua Excelência — afirmou.

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Povo é que foi vítima de golpe, diz Ana Amélia em oitiva de Dilma Rousseff


Mais notícias:

18 de ago
Em Nova Hartz, Ana Amélia recebe demandas do setor calçadista
Em roteiro no Vale dos Sinos nesta sexta-feira (18), a senadora Ana Amélia (PP-RS), esteve reunida em Nova Hartz com o prefeito, Flavio Jost, e representantes do setor calçadista que apresentaram os principais desafios enfrentados para empreender. A mais insistente demanda é que…

16 de ago
TRE-RS conclui estudo sobre o impacto do rezoneamento eleitoral no estado
O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS), desembargador Carlos Marchionatti, comunicou à senadora Ana Amélia (PP-RS), nesta quarta-feira (16), que foi concluído memorial detalhando como o rezoneamento previsto pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) prejudicará os eleitores gaúchos…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail