Aprovado projeto que suspende a execução de dispositivos da lei que regulamenta a cobrança do Funrural

23/08/2017 - Agricultura


Produtores em todo o Brasil fizeram protestos contra a cobrança do Funrural

CCJ aprova projeto que suspende a execução de dispositivos da lei que regulamenta a cobrança do Funrural

A CCJ do Senado aprovou nesta quarta-feira (23) , por unanimidade, projeto de resolução (PRS 13/2017)  que suspende dispositivos da lei que regulamenta a cobrança do Funrural. Em diversas regiões do país produtores rurais fizeram protestos contra a cobrança.

O projeto suspende a lei 8.540/1992, que estabelecia alíquota de 2,1% sobre a receita da comercialização da produção. A principal reclamação dos produtores era de bitributação, uma vez que também recolhiam Previdência sobre a folha de pagamento, o que não ocorre com o empregador urbano.

Ana Amélia, que votou favorável ao projeto, lembrou do envolvimento de produtores em todo o Brasil, em especial no Rio Grande do Sul, que se mobilizaram de forma pacifica para apoiar a proposta. 

— Em zonas de produção como Carazinho, Dom Pedrito e Tapes, produtores levaram suas máquinas para as estradas mostrando a sua posição favorável a esse projeto — disse.

Em 2011, o STF decidiu que a cobrança do Funrural era inconstitucional, suspendendo assim a cobrança prevista na lei 8.540/1992. Seis anos depois, nova decisão da Corte autorizou a cobrança do Funrural. A expectativa por parte dos produtores, agora, é que o projeto aprovado na CCJ signifique o fim da cobrança. 

O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), havia apresentado uma emenda ao PRS, restringindo seus efeitos à lei de 1992, e não à legislação posterior. Em 2001, foi sancionada a Lei 10.256, que substituiu as anteriores e manteve o recolhimento sobre a produção. Em 29 de março deste ano, o STF julgou constitucional a lei de 2001. Três semanas depois, a senadora Kátia Abreu (PMDB-TO) apresentou o PRS 13.

O relator na CCJ, Jader Barbalho (PMDB-PA), deu parecer favorável ao projeto de Kátia Abreu e contrário à emenda de Jucá.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

11/12/2018
Senado aprova novo limite para compra de leite de pequenos agricultores
O Plenário aprovou emenda da Câmara dos Deputados ao projeto que estabelece um novo limite de aquisição de leite no âmbito do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) do governo federal (ECD 1/2018). Conforme o texto aprovado, o limite mínimo passa a…

05/12/2018
Aprovada urgência para projeto que garante compra mínima de leite de agricultores familiares
O Plenário vota na próxima terça-feira (11) o projeto que obriga o governo federal a realizar compras mínimas de leite produzido por agricultores familiares. O texto em pauta assegura a aquisição de pelo menos 35 litros por dia. O autor…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail