Ana Amélia pede renovação dos contratos de fornecimento de nafta para as petrolíferas

27/10/2015 - Geral


Atual contrato perde a vigência nesta semana, alertou a senadora

Ana Amélia pede renovação dos contratos de fornecimento de nafta para as petrolíferas

A senadora Ana Amélia (PP-RS) cobrou da Petrobras a renovação do contrato temporário de fornecimento de nafta, matéria-prima usada pelas indústrias de todos os polos petroquímicos do país, incluindo o de Triunfo, no Rio Grande do Sul.

A senadora informou hoje (27), em Plenário, que as empresas recebem o produto por meio de contratos temporários e isso gera incertezas por causa do preço e da dificuldade de fazer qualquer tipo de planejamento.

- O atual [contrato], por exemplo, perde a vigência nesta semana e, se não for renovado, as indústrias químicas poderão ser prejudicadas com o risco de corte de postos de trabalho e impactos no faturamento do setor, que chega a US$ 150 bilhões ao ano - ressaltou.

De acordo com a senadora, a incerteza no fornecimento de nafta poderá forçar também o fechamento de unidades nos principais polos petroquímicos da Bahia, Rio Grande do Sul e ABC paulista.

-  A consequência disso será a perda de mais postos de trabalho, redução da renda dos trabalhadores que atuam nessa atividade, queda da receita da união e impactos negativos inclusive sobre a balança comercial do país e sobre o próprio Produto Interno Bruto - afirmou.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Ana Amélia relata problema que afeta indústria química brasileira e pede providências


Mais notícias:

25 de jan
Em vídeo nas redes sociais, Ana Amélia se despede do Senado
A senadora gaúcha Ana Amélia (Progressistas) divulgou vídeo nesta sexta-feira (25) despedindo-se do mandato no Senado Federal. A partir de março a parlamentar assume a Secretaria Extraordinária de Assuntos Federativos e Internacionais do Rio Grande do Sul. No vídeo, Ana Amélia mostra o…

23 de jan
Lei que destina recursos a programa de eficiência energética é sancionada
Foi aprovada Lei 13.280/2016, que reserva 20% dos recursos das empresas de energia elétrica destinados à eficiência energética para aplicação no Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel). O programa promove a racionalização do consumo, por meio de…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail