Ana Amélia pede que governo mantenha desoneração por um ano para salvar empregos

11/08/2015 - Economia


Medida é mais adequada no período de crise enfrentada pelo país, destacou a senadora

Ana Amélia pede que governo mantenha desoneração por um ano para salvar empregos

A senadora Ana Amélia (PP-RS) sugeriu nesta terça-feira (11) que o governo mantenha a desoneração da folha de pagamento de vários setores por um ano e exija dos empregadores o compromisso de não demitirem os funcionários durante esse período. Já aprovado pela Câmara, projeto de lei proposto pelo Executivo (PLC 57/2015) prevê o fim da desoneração de 56 setores da economia.

Para ela, manter a desoneração por mais um ano é muito mais adequada para o período de crise pelo qual o país enfrenta do que, por exemplo, a MP 680, que reduziu a jornada de trabalho e de salários, que para ela é muito complicada, burocrática e, por isso mesmo, sujeita a fraudes.

— É muito mais lógico fazer isso. Não implica burocracia, não implica papelada. Hoje eu falei com o presidente da Abicalçados, Heitor Klein, que disse claramente: no setor calçadista, nenhuma empresa consultada vai participar desse programa, tal é a complexidade do sistema.

Para Ana Amélia, o governo precisa ser o protagonista no enfrentamento da crise, que já produz desemprego no Rio Grande do Sul.

Ela citou o caso de 90 trabalhadores da Cooperativa de Trabalhadores Metalúrgicos de Canoas, que, por causa da suspensão de encomendas na área naval e da corrupção na Petrobras, estão sem trabalhar e não recebem qualquer rendimento há quatro meses.

Agronegócio

Ana Amélia ainda destacou o desempenho do agronegócio, que, apesar da crise, vai bater recorde na safra de grãos, conforme anúncio da Conab.

Segundo o órgão, a safra 2014/2015 deve chegar a 208 milhões de toneladas, ultrapassando a anterior em 15 milhões de toneladas. E tudo isso mesmo sem infraestrutura adequada, ressalvou a senadora.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

17 de abr
Modernização das leis trabalhistas é tema de debate promovido pelas federações das indústrias dos estados do Sul
No painel que debateu a modernização das leis trabalhistas, no 1º Fórum Sul Brasileiro de Relações do Trabalho, nesta segunda-feira (17), a senadora Ana Amélia (PP-RS) defendeu o fim da contribuição sindical obrigatória para empresários e…

30 de mar
Sindicato apresenta estudo sobre impacto da correção das tabelas do Imposto de Renda na economia
Um estudo inédito realizado pelo Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis do Rio Grande do Sul (Sescon-RS) e a Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) revela que, dos R$ 97 bilhões arrecadados pelo…

Ana Amélia pede agilidade na liberação de recursos do Proex
Em discurso na tribuna nesta quarta-feira (29), a senadora Ana Amélia (PP-RS) cobrou do governo mais agilidade em relação às operações do Programa de Financiamento às Exportações do Governo Federal (Proex). A morosidade nos processos tem prejudicado exportadores brasileiros, disse a parlamentar, lembrando…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail