Ana Amélia participa de reuniões no Senado e dialoga com caminhoneiros e lideranças do Agro durante mobilização

01/06/2018 - Geral


Senadora também destacou a responsabilidade que as autoridades devem ter para cortar gastos e regalias

Ana Amélia participa de reuniões no Senado e dialoga com caminhoneiros e lideranças do Agro durante mobilização

Durante a paralisação de cerca de 10 dias dos caminhoneiros e os protestos pelo país, a senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) recebeu representantes da categoria no gabinete, em Brasília, conversou com outras lideranças por telefone e participou das reuniões de líderes no Senado que trataram dos projetos relacionados à mobilização.

Ana Amélia também conversou com lideranças de cadeias como laticínios, avicultura e suinocultura sobre as apreensões geradas a partir do movimento e possíveis soluções para amenizar os prejuízos.

A parlamentar destacou como frustrado o acordo anunciado pelo governo na quinta-feira (24) da semana passada, quando faltou diálogo com os caminhoneiros autônomos. Essa conversação foi retomada no domingo (27), com o anúncio de medidas como a redução no preço do diesel, a previsibilidade nos preços do combustível e a fixação de tabela para o frete.

Ana Amélia entendeu como justas as demandas dos caminhoneiros para não inviabilizar a atividade e ressaltou que a categoria mostrou sua força e relevância. A partir dos anúncios feitos no domingo e com o Senado honrando os compromissos que acordou com a categoria, a parlamentar defendeu desde segunda-feira (28) o fim da greve para que os prejuízos à economia não aumentassem, especialmente no setor agropecuário, uma vez que produtores gaúchos e a indústria registraram perdas superiores a R$ 1,6 bilhão.

A senadora manteve contato também com lideranças da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do RS (Fetag-RS), que apoiou o movimento inicialmente, mas depois exortou as lideranças dos caminhoneiros ao fim da greve, pois “decorridos nove dias de paralisações, constatamos que a greve tomou um rumo que traz a perda de controle das mobilizações, passando a ter um foco político-ideológico (...) mais de 100 mil famílias, que produzem leite, suíno, frango e hortifrutigranjeiros estão perdendo toda a produção”. A nota, na avaliação da senadora, representou equilibrado e responsável posicionamento da entidade.

Depois que grande parte das entidades ligadas ao movimento e aos autônomos aceitaram o acordo proposto, a senadora manifestou sua preocupação com o contágio dessa crise sobre a política, faltando apenas quatro meses para as eleições gerais no país, e com os riscos, já evidentes, do movimento pacífico dos caminhoneiros virar palanque para aventureiros descompromissados com a democracia e com as instituições.

Responsabilidade

 – É fundamental que as lideranças dos três poderes se responsabilizem, também, para atender algumas cobranças da sociedade como o fim de regalias e privilégios, combate duro à corrupção e ao desperdício no setor público, porque o contribuinte, com a carga tributária elevada, cansou de pagar essa conta salgada. Estou fazendo a minha parte – destacou a senadora.

Ana Amélia não recebe auxílio-moradia nem utiliza apartamento funcional desde o começo do mandato. Além disso, usa apenas 30% da verba indenizatória a que tem direito.

Ana Amélia participa de reuniões no Senado e dialoga com caminhoneiros e lideranças do Agro durante mobilização


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

23 de jan
Lei que destina recursos a programa de eficiência energética é sancionada
Foi aprovada Lei 13.280/2016, que reserva 20% dos recursos das empresas de energia elétrica destinados à eficiência energética para aplicação no Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel). O programa promove a racionalização do consumo, por meio de…

21/12/2018
Leis aprovadas e 70% de economia: Ana Amélia faz balanço da sua atuação no Senado
Cinco leis e uma emenda constitucional em vigor, mais de 100 projetos apresentados e 480 propostas relatadas. Os dados fazem parte do balanço apresentado pela senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) na tribuna sobre os oito anos de…

Ana Amélia é anunciada para comandar a Secretaria de Relações Federativas e Internacionais do RS
A senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) foi anunciada na tarde desta sexta-feira (21), em Porto Alegre, como futura secretária de Relações Federativas e Internacionais do Governo do Rio Grande do Sul. A parlamentar aceitou convite do governador eleito,…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail