Ana Amélia está entre os 100 parlamentares mais influentes pelo quarto ano consecutivo, aponta Diap

03/09/2015 - Agricultura


Lista do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar foi divulgada nesta semana

Ana Amélia está entre os 100 mais influentes pelo quarto ano consecutivo, aponta Diap

Pelo quarto ano consecutivo, a senadora Ana Amélia (PP) está entre os 100 parlamentares mais influentes do Congresso Nacional. A lista foi divulgada nesta semana pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap).

Além de ser indicada nos últimos três anos entre os mais influentes, Ana Amélia já havia sido apontada entre os 50 em ascensão na lista divulgada em 2011 e a Mulher Mais Influente, em 2013. Neste ano, na lista dos 100 mais influentes, entre todos os 594 parlamentares, 12 são mulheres, sendo seis senadoras. O Rio Grande do Sul está representado por mais seis parlamentares.

 Para a senadora, a inclusão no ranking é resultado da ação em áreas fundamentais à sociedade, na saúde, em questões como o trabalho para melhorar e agilizar o tratamento dos pacientes com câncer, com propostas em defesa de um novo pacto federativo, e debates para contribuir com a produção no campo, um dos setores que apresenta resultados positivos na economia brasileira.

— Estar na lista do Diap é estimulante por reconhecer o trabalho e o empenho em questões relevantes à sociedade. Essa escolha aumenta ainda mais a responsabilidade no compromisso de atender às demandas da sociedade — ressaltou Ana Amélia.

Os "Cabeças do Congresso Nacional", conforme define o Diap, são os parlamentares que conseguem se diferenciar dos demais por atributos como a capacidade de conduzir debates, votações, articulações e formulações, seja pelo saber, senso de oportunidade, eficiência na leitura da realidade, facilidade para conceber ideias, constituir posições, elaborar propostas e projetá-las para o centro do debate, liderando sua repercussão e tomada de decisão.

Confira a lista completa em: http://www.diap.org.br/images/Cabecas_2015.pdf


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

Hoje
Embrapa e Ibravin apresentam dados da produção de uva no Rio Grande do Sul
Dados da viticultura gaúcha nos últimos 20 anos, com os números detalhados de área das propriedades e dos vinhedos, cultivares por microrregião e por município e vinhedos por variedades fazem parte do Cadastro Vitícola 2013-2015, apresentado nesta manhã pela…

19 de abr
 Agricutura familiar estará no Censo Agropecuário, diz presidente do IBGE
A agricultura familiar não ficará fora do Censo Agropecuário 2017. A informação foi dada pelo presidente do IBGE, Paulo Rabello de Castro. Durante audiência na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária, requerida pela senadora Ana Amélia (PP-RS), o presidente adiantou que serão…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail