Ana Amélia diz que decisão do STF sobre escutas telefônicas não pode atrapalhar investigações

14/11/2016 - Geral


Senadora também destacou a decisão da Suprema Corte em determinar a prisão de réu condenado em segunda instância

Ana Amélia diz que decisão do STF sobre escutas telefônicas não pode atrapalhar investigações

Após elogiar decisão do Supremo Tribunal Federal de determinar a prisão de réu condenado em segunda instância, a senadora Ana Amélia (PP-RS) disse nesta segunda-feira (14) que a Corte vai decidir se as interceptações telefônicas de investigados podem ultrapassar os 30 dias.

O resultado desse recurso pode afetar várias investigações, lembrou a senadora, inclusive a Lava Jato. E acrescentou que muitas operações da polícia se beneficiaram de escutas telefônicas que duraram vários meses.

— Portanto, a escuta tem sido um instrumento extremamente eficaz para a identificação dos criminosos. Da mesma forma como a colaboração premiada tem ajudado decisivamente nesses aspectos. Se houver uma limitação das escutas, poderá, sim, haver uma contaminação em relação à operação Laja Jato — afirmou.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Ana Amélia diz que decisão do STF sobre escutas telefônicas não pode atrapalhar investigações


Mais notícias:

25 de jan
Em vídeo nas redes sociais, Ana Amélia se despede do Senado
A senadora gaúcha Ana Amélia (Progressistas) divulgou vídeo nesta sexta-feira (25) despedindo-se do mandato no Senado Federal. A partir de março a parlamentar assume a Secretaria Extraordinária de Assuntos Federativos e Internacionais do Rio Grande do Sul. No vídeo, Ana Amélia mostra o…

23 de jan
Lei que destina recursos a programa de eficiência energética é sancionada
Foi aprovada Lei 13.280/2016, que reserva 20% dos recursos das empresas de energia elétrica destinados à eficiência energética para aplicação no Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel). O programa promove a racionalização do consumo, por meio de…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail