Ana Amélia defende direitos dos trabalhadores e anuncia voto a favor do fim do imposto sindical obrigatório

28 de abr - Geral


Senadora disse que greves são legítimas, mas defendeu direito de ir e vir da população

Ana Amélia defende direito dos trabalhadores e anuncia voto a favor do fim do imposto sindical obrigatório

A senadora Ana Amélia (PP-RS) ignorou o "dia de greve" e foi ao Senado para participar da sessão desta sexta-feira (28). Na tribuna, a parlamentar afirmou que greves são legítimas, mas defendeu, especialmente, o direito de ir e vir do cidadão. 

Em discurso na tribuna, a progressista gaúcha destacou que não apoiará a retirada de nenhum direito do trabalhador. Ana Amélia garantiu que votará pelo fim do imposto sindical obrigatório.

Ela citou que a proposta de reforma trabalhista aprovada pela Câmara dos Deputados e encaminhada ao Senado manteve os direitos do artigo 7º da Constituição Federal, como o 13º salário, férias e o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). 

— O bom sindicato, aquele que trabalha em favor do trabalhador, aquele que tem compromisso com o trabalhador, vai trabalhar cada vez mais, para ter força, voz e vez para defender coletivamente os trabalhadores da sua categoria. Quem se sentir bem representado vai, evidentemente, continuar contribuindo. Tenho a convicção de que os sindicatos patronais e de trabalhadores que prestam bons serviços serão fortalecidos — disse a senadora.

Ana Amélia apresentou dados do desemprego no Brasil divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). São 14,2 milhões de brasileiros desempregados e 10,5 milhões trabalhando na informalidade.

— Para mim, esta é a maior precarização do mercado de trabalho: a informalidade, a carteira assinada não existente. Faremos o debate responsável para decidir qual o melhor caminho em relação a essa proposta. A modernização da legislação da década de 1940 é importante para dar mais segurança aos trabalhadores — disse. 

Foto: Pedro França/Agência Senado

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Ana Amélia é contra retirada de direitos dos trabalhadores e apoia fim do imposto sindical obrigatório


Mais notícias:

14 de dez
Senado aprova 'critério de simplicidade' em ações criminais
O Plenário aprovou nesta quinta-feira (14) o projeto de lei da Câmara (PLC)21/2016, que prevê o critério da simplicidade como orientador em ações de natureza criminal. A simplicidade pressupõe que os processos devem reunir materiais essenciais, adotando linguagem clara e acessível às partes. Para…

13 de dez
Senadora Ana Amélia recebeu 120 premiações em sete anos de mandato
Desde que assumiu o mandato no Senado, em fevereiro de 2011, após ter sido eleita com 3,4 milhões de votos dos gaúchos, no ano anterior, a senadora Ana Amélia (Progressistas-RS) recebeu cerca de 120 premiações e homenagens, desde medalhas, placas e troféus…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail