Ana Amélia critica atitude autoritária do governo diante do movimento dos caminhoneiros

11/11/2015 - Geral


Senadora leu relato de caminhoneiro argumentando que paralisação ocorre por conta do "péssimo gerenciamento do dinheiro público e das falsas promessas"

Ana Amélia critica atitude autoritária do governo diante do movimento dos caminhoneiros

No Plenário, nesta quarta-feira (11), a senadora Ana Amélia (PP-RS) criticou a fragilidade e a agressividade do governo em relação à manifestação dos caminhoneiros. Pela manhã, o governo publicou no Diário Oficial da União a medida provisória que endurece as penalidades aos caminhoneiros que mantiverem os bloqueios de rodovias no país com aumento considerável das multas.

— Temos que respeitar o direito desses profissionais, desses caminhoneiros autônomos, que estão fazendo uma manifestação que é legítima — disse a senadora.

A parlamentar recebeu vários telefonemas de profissionais preocupados com a situação e leu trecho de carta enviada ao gabinete, onde um caminhoneiro diz que as promessas feitas no começo do ano aos autônomos, como linha de crédito, não foram cumpridas. Além disso, o motorista relatou as dificuldades a partir do aumento dos custos da atividade, como pedágio, óleo diesel e com as peças de manutenção.

No texto, o caminhoneiro acrescenta que a situação ocorre “por conta do péssimo gerenciamento do dinheiro público e das falsas promessas”.

— Os caminhoneiros já convivem com estradas esburacadas e com a falta de segurança, tendo cargas roubadas e as famílias apreensivas a cada viagem. Não bastasse tudo isso, ainda enfrentam a força de um governo autoritário que faz isso com uma categoria que tanto trabalha pelo país — acrescentou Ana Amélia.

A parlamentar disse que o governo adota dois pesos e duas medidas nas greves das diferentes categorias e considerou a postura antidemocrática.

— Se essa medida provisória fosse destinada a categorias alinhadas ao governo, o que estaria acontecendo? Qual seria a reação dos sindicatos a essa MP? — questionou Ana Amélia.


Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Ana Amélia critica atitude autoritária do governo diante do movimento dos caminhoneiros


Mais notícias:

16 de out
Ana Amélia defende transparência na votação do afastamento de senador
A senadora Ana Amélia (PP-RS) afirmou que não pode usar uma “régua moral diferente” para votar casos envolvendo parlamentares. Por isso, ela defende votação aberta no Plenário na decisão sobre o afastamento do senador Aécio Neves.Segundo a senadora, todas as votações devem ser…

13 de out
Ana Amélia defende voto aberto na sessão que decidirá sobre afastamento de senador
Após notícias veiculadas na imprensa de que haveria articulação por uma votação secreta para deliberar sobre as medidas cautelares e o afastamento imposto ao senador Aécio Neves, na sessão marcada para a próxima terça-feira (17), a…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail