Ana Amélia cobra eficiência dos serviços públicos e reafirma posição contra a CPMF

23/09/2015 - Geral


Senadora ressaltou que governo mantém empresas estatais que não produzem resultados

Ana Amélia critica ineficiência do Estado e recriação da CPMF

Na tribuna do Senado, nesta quarta-feira (23), a senadora Ana Amélia (PP-RS) alertou que em vez de enviar o projeto de recriação da CPMF, o governo deveria priorizar a eficiência na administração federal. A proposta de emenda à Constituição que cria uma nova contribuição, semelhante à antiga Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira, foi enviada ao Congresso na terça-feira (22). 

A parlamentar gaúcha destacou problemas de empresas estatais, como as do setor elétrico, com constantes apagões, apesar da conta cara de energia. Para Ana Amélia, isso revela ineficiência do Estado no gerenciamento das empresas públicas.

Além disso, afirmou a senadora, há empresas que existem sem propósito, como a Empresa de Planejamento e Logística. A EPL foi criada para operar o trem bala Rio-São Paulo, cujo projeto não saiu do papel por falta de viabilidade econômica.

Conforme a senadora, trata-se de um erro em cima do outro e quem é chamado a pagar a conta é o contribuinte, agora com a recriação da CPMF.

— Sou contra a recriação da CPMF! O governo e as estatais precisam priorizar a eficiência, pois os cidadãos não suportam mais pagar caro por tributos e receber em troca serviços de má qualidade — disse a senadora.

Fonte: Agência Senado e Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

12 de jan
Lei que prevê ‘critério de simplicidade’ em ações criminais é sancionada
Foi publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (10)  a Lei 13.603/2018 , que prevê o critério da simplicidade como orientador em ações de natureza criminal. A simplicidade pressupõe que os processos devem reunir materiais…

22/12/2017

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail