Acordo fronteiriço com a Argentina é homologado pelo governo brasileiro

13/01/2016 - Relações Exteriores


Senadora Ana Amélia defendeu medida para reduzir a burocracia na fronteira

Acordo fronteiriço com a Argentina é homologado pelo governo brasileiro

A Presidência da República homologou, nesta quarta-feira (13), o acordo de fronteira com a Argentina. Desta forma, a Polícia Federal brasileira poderá emitir Carteira de Trânsito Vicinal Fronteiriço aos argentinos que moram nas cidades fronteiriças, reduzindo a burocracia e agilizando o trânsito na região.

Em dezembro, a senadora esteve em Uruguaiana e Paso de Los Libres, acompanhada do deputado estadual Frederico Antunes (PP), e conferiu o quanto a demora no processo de entrada no Brasil prejudica os cidadãos dos dois países. Em janeiro, com o acréscimo de turistas rumo a praias brasileiras, a espera chegou a quatro horas.

— Enfim, depois de mais de dois anos de espera no gabinete Civil, o acordo de fronteira Brasil-Argentina foi homologado nesta quarta-feira. A demora na autorização de entrada em nosso país penaliza, pelo excesso de burocracia, o próprio conceito de integração no âmbito do Mercosul —ressaltou Ana Amélia.

Os argentinos já estavam há mais tempo fornecendo aos brasileiros residentes na fronteira a identidade correspondente que facilita o livre trânsito na região. Agora, com o acordo, a PF também poderá fornecer a carteira aos residentes fronteiriços argentinos.

O secretário-geral das Relações Exteriores, embaixador Sérgio Danese, ligou para a senadora no início da noite para confirmar a homologação do acordo e reconheceu o empenho da parlamentar gaúcha no tema. A senadora saudou a medida e destacou que vem trabalhando no assunto desde 2011.

Fonte: Assessoria de Imprensa


Mais notícias:

11 de set
Seminário reúne empresários e parlamentares do Brasil e da Argentina em São Paulo
A senadora Ana Amélia (PP-RS) representou a Comissão de Relações Exteriores do Senado, nesta segunda-feira (11), no 1º  Seminário Internacional, que reuniu empresários, governos e parlamentares do Brasil e Argentina para discutir mecanismos mais eficientes no…

24 de ago
CRE debate com diretor da OMC as perspectivas comerciais na globalização
O diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC), Roberto Azevêdo, esteve na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) nesta quinta-feira (24) para debater as perspectivas comerciais no atual cenário globalizado. Azevêdo explicou que, desde 2008, a economia global não retomou…

Acompanhe NOSSO TRABALHO
nas redes sociais

Receba novidades e informações no seu e-mail